Novo apelo no Regina caeli

Na Colômbia serve o diálogo

cq5dam.thumbnail.cropped.500.281.jpeg
26 maio 2021

Um novo e sentido apelo à Colômbia, onde a «situação continua a ser preocupante», foi lançado pelo Papa no final do Regina caeli de 23 de maio, duas semanas após o de domingo 8. Antes de guiar a recitação mariana da janela do Palácio apostólico com os fiéis reunidos na Praça de São Pedro, o Pontífice comentou a primeira leitura da solenidade de Pentecostes.

No final, a oração pelo país latino-americano, a fim de que pelo amado povo que lá vive, «através de um diálogo sério, possam ser encontradas soluções justas para os muitos problemas de que sofrem especialmente os mais pobres», e a exortação «a evitar, por razões humanitárias, comportamentos prejudiciais à população no exercício do direito ao protesto pacífico».

Depois de mencionar a erupção do vulcão Nyiragongo em África, o Papa recordou também que os fiéis católicos na China celebram hoje a festa da Bem-Aventurada Virgem Maria Auxílio dos Cristãos, Padroeira celeste do grande país asiático.

Regina caeli