· Cidade do Vaticano ·

Francisco batizou dezasseis recém-nascidos na Capela Sistina

Tendes a tarefa de preservar a identidade cristã

cq5dam.thumbnail.cropped.500.281.jpeg
11 janeiro 2022

A tarefa de preservar a identidade cristã dos filhos foi recomendada pelo Papa Francisco aos pais dos 16 recém-nascidos que foram batizados na manhã de domingo, 9 de janeiro, durante a missa celebrada na Capela Sistina por ocasião da festa do Batismo do Senhor. Eis a homilia improvisada pelo Pontífice.

Hoje comemoramos o Batismo do Senhor. Na festa de hoje há um hino litúrgico muito bonito que diz que o povo de Israel ia ao Jordão “com os pés descalços e uma alma nua”, ou seja, uma alma que queria ser banhada por Deus, que não tinha riqueza alguma, que precisava de Deus. Hoje também estas crianças vêm aqui com “a alma nua” para receber a justificação de Deus, a força de Jesus, a força para ir em frente na vida. Vêm para receber a identidade cristã. Simplesmente isto! Hoje os vossos filhos receberão a identidade cristã. E vós, pais e padrinhos, deveis preservar esta identidade. Esta é a vossa tarefa ao longo da vossa vida: preservar a identidade cristã dos vossos filhos. Trata-se de um compromisso de todos os dias: fazê-los crescer com a luz que vão receber hoje. Era só isto que vos queria dizer, esta é a mensagem de hoje: preservar a identidade cristã que vós trouxestes hoje, para a oferecer aos vossos filhos.

Esta cerimónia é um pouco longa, assim as crianças sentem-se incomodadas aqui, num ambiente que não conhecem. Por favor, elas são as protagonistas: fazei com que não sintam demasiado calor, que estejam à vontade... E se tiverem fome, amamentai-as tranquilamente aqui, diante do Senhor, não há problema. E se gritarem, deixai-as gritar, pois elas têm um espírito de comunidade, digamos um “espírito de banda”, um espírito de conjunto, e é suficiente que uma comece — porque todas são musicais — e imediatamente surge a orquestra! Deixai-as chorar tranquilamente, que se sintam livres. Mas que não sintam demasiado calor, e se tiverem fome, não as deixeis com fome.

E assim, com esta paz, vamos em frente com a cerimónia. E não vos esqueçais: elas receberão a identidade cristã e a vossa tarefa consiste em preservar esta identidade cristã. Obrigado!