· Cidade do Vaticano ·

Prece a Nossa Senhora das sete dores

«Olhai para nós com ternura e curai as nossas feridas»

cq5dam.thumbnail.cropped.500.281.jpeg
21 setembro 2021

Antes da missa da manhã de 15 de setembro, no santuário nacional de Šaštín, o Papa presidiu a um momento de oração com os bispos da Eslováquia. Introduzida pelo sinal da Cruz e pelo Glória, a prece mariana de confiança à Virgem das sete dores — que aqui publicamos — foi seguida pela recitação do Pai-Nosso, da oração conclusiva e da bênção.

Nossa Senhora

das sete dores,

estamos reunidos aqui diante de Vós como irmãos,

agradecidos ao Senhor pelo seu amor misericordioso.

E Vós estais aqui connosco,

como com os Apóstolos no Cenáculo.

Mãe da Igreja e Consoladora dos aflitos,

voltamos-nos confiadamente para Vós,

nas alegrias e fadigas do nosso ministério.

Olhai para nós com ternura

e acolhei-nos nos vossos braços.

Rainha dos Apóstolos e Refúgio dos pecadores,

que conheceis as nossas limitações humanas,

os falhanços espirituais,

o sofrimento pela solidão e pelo abandono:

curai com a vossa doçura as nossas feridas.

Mãe de Deus e nossa Mãe,

confiamos-vos a nossa vida e a nossa pátria,

confiamos-vos a nossa própria comunhão episcopal.

Obtende-nos a graça

de vivermos fielmente dia a dia

as palavras que o vosso Filho Jesus nos ensinou

e que agora, n’Ele e com Ele,

dirigimos a Deus nosso Pai.