· Cidade do Vaticano ·

O anúncio de uma alegria maior

21 setembro 2021
A viagem-peregrinação do Papa Francisco, que começou com a participação no encerramento do Congresso eucarístico internacional em Budapeste, terminou na Eslováquia com uma Missa celebrada diante de mais de sessenta mil fiéis, no Santuário nacional de Šaštín, dedicado a Nossa Senhora das Dores. Precisamente a dor, com o seu oposto, a alegria, foi um dos temas recorrentes nas palavras do Santo Padre nestes últimos discursos e homilias. Já no encontro-diálogo na tarde de terça-feira, com 25.000 jovens em festa no estádio de Košice, respondendo a uma pergunta, o Papa pronunciou uma afirmação muito forte sobre o assunto: «A cruz, não se pode abraçar por si só; o sofrimento não salva ...

Este conteúdo é reservado aos Assinantes

paywall-offer
Estimada Leitora, querido Leitor,
la leitura de L’Osservatore Romano em todas as suas edições é reservada aos Assinantes

Ao fazer a assinatura até 30 de Novembro poderá usufruir do preço promocional de 20 euros por ano.