Nota

Este site utiliza cookies...
Os cookies são pequenos arquivos de texto que ajudam a melhorar a sua experiência de navegação no nosso site. Ao navegar em qualquer parte deste site você autoriza a utilização dos cookies. Poderá encontrar maiores informações sobre a policy dos cookies nas Condições de utilização.

Uma história
de fidelidade e ressurreição

· Discurso do Papa ao sínodo patriarcal da Igreja arménio-católica ·

A longa história de fidelidade e o «admirável património de espiritualidade e de cultura» do povo arménio foram recordados pelo Papa no discurso dirigido aos membros do Sínodo patriarcal da Igreja arménio-católica, recebidos em audiência na manhã de quinta-feira, 9 de Abril. 

Em vista da celebração de domingo na basílica de São Pedro o Pontífice convidou à oração e pediu aos fiéis arménios que «cultivem sempre um sentimento de reconhecimento ao Senhor, por terem sido capazes de manter a fidelidade a ele também nas épocas mais difíceis». Para Francisco «é importante pedir a Deus o dom da sabedoria do coração», que torna capazes de ler também os acontecimentos mais obscuros da história à luz da paixão de Jesus, na qual «é colocado o rebento da sua ressurreição». Eis por que o convite a ver «a realidade com um renovado olhar» e a «fazer memória do passado» para «dele tirar nova linfa a fim de alimentar o presente com o anúncio jubiloso do Evangelho e com o testemunho da caridade».

Discurso do papa

Edição em papel

 

AO VIVO

Praça De São Pedro

25 de Agosto de 2019

NOTÍCIAS RELACIONADAS