Nota

Este site utiliza cookies...
Os cookies são pequenos arquivos de texto que ajudam a melhorar a sua experiência de navegação no nosso site. Ao navegar em qualquer parte deste site você autoriza a utilização dos cookies. Poderá encontrar maiores informações sobre a policy dos cookies nas Condições de utilização.

Uma ajuda à populações sírias

· ​O Papa na conclusão dos exercícios espirituais em Ariccia ·

Durante os exercícios espirituais um fio de oração e de solidariedade uniu o Papa e a Cúria romana à atormentada cidade de Alepo. De facto, o último dia de retiro em Ariccia, sexta-feira 10 de março, iniciou com a missa celebrada pelo Pontífice e oferecida pela Síria, e foi caraterizado por um gesto concreto de proximidade e solidariedade: Francisco, graças também ao contributo da Cúria romana, enviou o valor de cem mil euros aos pobres da cidade síria, através de uma espécie de geminação espiritual entre o pregador dos exercícios, o franciscano Giulio Michelini, e o seu irmão de hábito pároco em Alepo, Ibrahim Alsabagh. No final da última meditação Francisco quis agradecer expressamente ao pregador a preparação com a qual guiou a reflexão e recordou que às vezes uma simples palavra pode ser suficiente para favorecer a meditação espiritual. Logo depois, o Pontífice regressou ao Vaticano. E na parte da tarde, às 17h00, irá ao Vicariato de Roma para se encontrar com os párocos prefeitos da diocese.

Saudação do Papa 

Edição em papel

 

AO VIVO

Praça De São Pedro

21 de Abril de 2019

NOTÍCIAS RELACIONADAS