Nota

Este site utiliza cookies...
Os cookies são pequenos arquivos de texto que ajudam a melhorar a sua experiência de navegação no nosso site. Ao navegar em qualquer parte deste site você autoriza a utilização dos cookies. Poderá encontrar maiores informações sobre a policy dos cookies nas Condições de utilização.

Um prémio a Anne-Marie Pelletier

Pela primeira vez o prémio Ratzinger, destinado aos estudiosos de teologia, foi atribuído a uma mulher, a francesa Anne-Marie Pelletier, especialista em hermenêutica e exegese bíblica. Nascida em 1946, Pelletier – que nos seus trabalhos abordou também a posição da mulher no cristianismo e na Igreja – ensinou linguística geral e literatura comparada na universidade de Paris X, teologia do matrimónio no Institut catholique de Paris e, desde 1993, Sagrada Escritura e hermenêutica bíblica no Estúdio da Faculdade Notre Dame do seminário de Paris. Até ao ano passado foi também professora de Bíblia no Instituto europeu de ciências das religiões, inserido na École pratique des hautes études de Paris. Entre as suas obras, Lectures du Cantique des Cantiques. De l'énigme du sens aux figures du lecteur (1988), Lectures bibliques. Aux sources de la culture occidentale (1995), Le christianisme et les femmes. Vingt siècles d'histoire (2001), D'âge en âge les Ecritures. La Bible et l'herméneutique contemporaine (2006), Le signe de la femme (2006), le livre d'Isaïe, l'histoire au prisme de la prophétie (2008). A premiação de Anne-Marie Pelletier, e dos outros vencedores da edição de 2014 terá lugar no próximo dia 22 de Novembro.

Edição em papel

 

AO VIVO

Praça De São Pedro

24 de Agosto de 2019

NOTÍCIAS RELACIONADAS