Nota

Este site utiliza cookies...
Os cookies são pequenos arquivos de texto que ajudam a melhorar a sua experiência de navegação no nosso site. Ao navegar em qualquer parte deste site você autoriza a utilização dos cookies. Poderá encontrar maiores informações sobre a policy dos cookies nas Condições de utilização.

Tarde mariana

«Será uma tarde toda dedicada a Nossa Senhora». O Papa Francisco tinha-o anunciado durante o Angelus: a solenidade da Imaculada merecia uma atenção especial.

E o Pontífice já tinha preparado todos, inclusive com dois tweets na web: no sábado escreveu: «O Advento faz-nos iniciar um novo caminho. Deixemo-nos guiar por Maria, nossa Mãe», e precisamente na manhã de segunda-feira 8 de Dezembro: «Aprendamos da Virgem Maria a ser mais corajosos em seguir a Palavra de Deus». Sempre no sábado, numa mensagem vídeo o Pontífice tinha convidado as comunidades cristãs a confiar à Imaculada a oração pelos cristãos no Iraque.

Assim, no início da tarde Francisco foi visitar primeiro a basílica de Santa Maria Maior «para saudar a Salus popoli Romani», depois dirigiu-se para o centro da cidade, onde uma grande multidão o esperava para compartilhar com ele, bispo de Roma, a tradicional homenagem à Imaculada. No centro do shopping romano, nas ruas que precisamente nestes dias se iluminam de mil cores e se animam de sons e confusão, Francisco pediu a Maria: «ensinai-nos a ir contracorrente», «a ouvir», «a fazer silêncio». Depois, recolheu-se em oração enquanto os sediários pontifícios levavam a sua homenagem de rosas brancas à Virgem.

Edição em papel

 

AO VIVO

Praça De São Pedro

20 de Outubro de 2019

NOTÍCIAS RELACIONADAS