Nota

Este site utiliza cookies...
Os cookies são pequenos arquivos de texto que ajudam a melhorar a sua experiência de navegação no nosso site. Ao navegar em qualquer parte deste site você autoriza a utilização dos cookies. Poderá encontrar maiores informações sobre a policy dos cookies nas Condições de utilização.

Sob o olhar de Moisés

· Na sala do Congresso ·

Uma standing ovation, com aplausos e aclamações, acompanhou na manhã de quinta-feira 24 de Setembro, o ingresso do Papa na sala do Congresso dos Estados Unidos. 

Anunciado como The Pope of the Holy See, Francisco recebeu um acolhimento caloroso, numa circunstância solene, para a primeira visita do Pontífice àquela instituição. Um calor testemunhado não só pela saudação de boas-vindas, mas também pelas trinta e seis interrupções do discurso do Pontífice devidas aos aplausos que sublinharam alguns trechos – sinal de atenção e de partilha, não obstante às vezes não unânime, em relação aos temas tratados – acompanhados com frequência por outras ovações. A partir da primeira, quando no início do pronunciamento agradeceu o convite a dirigir-se à assembleia plenária do Congresso na «terra dos livres e casa dos valorosos». Uma atenção manifestada também por milhares de pessoas que ouviram o discurso através dos ecrãs gigantes montados no pórtico ocidental, que desde os tempos do presidente Ronald Reagan é usado para a cerimónia de posse do chefe de Estado, onde foi realizada uma tribuna para os convidados.

De acordo com o protocolo, o único que falou foi o Pontífice, que pronunciou o discurso em inglês, tendo diante de si o medalhão com Moisés, representado entre os grandes legisladores, o único personagem entre os retratos na sala que fita directamente quem fala da tribuna. E precisamente a Moisés o Papa fez referência no início da intervenção, frisando que a sua figura é uma síntese do trabalho que cabe aos políticos, chamados a defender o homem através dos instrumentos da lei. 

Gaetano Vallini

Edição em papel

 

AO VIVO

Praça De São Pedro

20 de Agosto de 2019

NOTÍCIAS RELACIONADAS