Nota

Este site utiliza cookies...
Os cookies são pequenos arquivos de texto que ajudam a melhorar a sua experiência de navegação no nosso site. Ao navegar em qualquer parte deste site você autoriza a utilização dos cookies. Poderá encontrar maiores informações sobre a policy dos cookies nas Condições de utilização.

Se é a princesa que salva o príncipe

Empregaram mais de cento e cinquenta anos para ser conhecidas, as antifábulas de Grimm. O historiador Frank Xaver von Schönwerth, contemporâneo dos célebres irmãos, transcreveu mais de quinhentas fábulas folclóricas que, embora tenham sido parcialmente publicadas em três volumes de 1857 a 1959, terminaram contudo por ser esquecidas. A sua culpa? Oferecer histórias politicamente incorrectas, versões revolucionárias da célebre Gata-Borralheira, povoadas de meninas espertas, arguciosas e extremamente corajosas, e de príncipes aprisionados e vulneráveis, salvos pelo beijo de uma donzela. Encontradas por Erika Eichenseer em 2008 num arquivo de Regensburg, um primeiro volume saiu na Alemanha e agora é a vez da versão inglesa. O auspício é de um efeito onda noutras línguas. Para ouvir, finalmente, outra fábula.

Edição em papel

 

AO VIVO

Praça De São Pedro

14 de Outubro de 2019

NOTÍCIAS RELACIONADAS