Nota

Este site utiliza cookies...
Os cookies são pequenos arquivos de texto que ajudam a melhorar a sua experiência de navegação no nosso site. Ao navegar em qualquer parte deste site você autoriza a utilização dos cookies. Poderá encontrar maiores informações sobre a policy dos cookies nas Condições de utilização.

Prólogo ao Sínodo

Um insólito prólogo ao Sínodo que se abrirá daqui a alguns dias no Vaticano; uma antecipação feita de festa e oração, de testemunhos e meditações: foi tudo isto o oitavo encontro mundial das famílias, realizado em Filadélfia e concluído na tarde de domingo, 27 de Setembro, pelo Papa Francisco, que celebrou a missa no Benjamin Franklin Parkway diante de cerca de um milhão de pessoas. No final do rito o arcebispo Vincenzo Paglia, presidente do Pontifício Conselho para a família, anunciou que o próximo encontro mundial será em Dublim, daqui a três anos. Os precedentes realizaram-se em Roma em 1994, ano da família, no Rio de Janeiro em 1997, de novo em Roma durante o Jubileu do ano 2000, em Manila em 2003, em Valência em 2006, na Cidade do México em 2009 e em Milão em 2012.

O momento mais esperado, ao redor do qual foi construída a viagem papal aos Estados Unidos, à qual depois se acrescentou a etapa em Cuba, finalmente chegou. Com a presença de Francisco a longa avenida de Filadélfia encheu-se de sons e cores já desde a noite de sábado 26, quando foi realizada a vigília de oração, também com a participação do Pontífice. E a missa dominical foi o momento culminante de uma verdadeira festa da fé, para afirmar que a família é bela.

Gaetano Vallini

Edição em papel

 

AO VIVO

Praça De São Pedro

19 de Outubro de 2019

NOTÍCIAS RELACIONADAS