Nota

Este site utiliza cookies...
Os cookies são pequenos arquivos de texto que ajudam a melhorar a sua experiência de navegação no nosso site. Ao navegar em qualquer parte deste site você autoriza a utilização dos cookies. Poderá encontrar maiores informações sobre a policy dos cookies nas Condições de utilização.

​Pôr fim à violência

· ​No Angelus o apelo para uma solução pacífica e democrática da crise venezuelana ·

Um «apelo para que se ponha fim à violência e se encontre uma solução pacífica e democrática para a crise» venezuelana foi lançado pelo Papa no final do Angelus de domingo, 2 de julho, na praça de São Pedro. Depois de ter recordado que «a 5 de julho será celebrada a festa da independência» do país latino-americano, Francisco expressou a sua «proximidade às famílias que perderam os seus filhos nas manifestações de rua». Invocando «Nossa Senhora de Coromoto» para que «interceda pela Venezuela», o Papa convidou os fiéis presentes a recitar com ele uma Ave-Maria.

Anteriormente, comentando como de costume o evangelho dominical, o Pontífice explicou a parte conclusiva do discurso missionário de Jesus.

Angelus do Papa 

Edição em papel

 

AO VIVO

Praça De São Pedro

21 de Agosto de 2019

NOTÍCIAS RELACIONADAS