Nota

Este site utiliza cookies...
Os cookies são pequenos arquivos de texto que ajudam a melhorar a sua experiência de navegação no nosso site. Ao navegar em qualquer parte deste site você autoriza a utilização dos cookies. Poderá encontrar maiores informações sobre a policy dos cookies nas Condições de utilização.

Os bons votos de Natal do Papa

Veritas de terra orta est! («A verdade brotará da terra»): são as palavras  - tiradas do Salmo 85, 12 – que Bento XVI escolheu este ano para o bilhete  de bons votos de Natal destinado à Cúria romana, aos funcionários do Vaticano e a todos os fiéis que participarão nos próximos dias nas audiências e celebrações. O Papa escreveu-as à mão e foram impressas pela Tipografia Vaticana num pequeno bilhete, juntamente com a imagem da pintura «A Natividade e a adoração dos pastores» de Leandro Bassano (1557-1622), conservado nos aposentos privados do Palácio Apostólico do Vaticano. Portanto, continua a tradição dos Pontífices – inaugurada em 1963 por Paulo VI – de imprimir pequenas imagens e bilhetes de boas festas de Natal, Páscoa e outras solenidades especiais, com uma frase autógrafa – tirada das Escrituras, dos padres da Igreja ou do leccionário – e uma representação artística de acordo com o tema da celebração litúrgica.

Edição em papel

 

AO VIVO

Praça De São Pedro

22 de Setembro de 2019

NOTÍCIAS RELACIONADAS