Nota

Este site utiliza cookies...
Os cookies são pequenos arquivos de texto que ajudam a melhorar a sua experiência de navegação no nosso site. Ao navegar em qualquer parte deste site você autoriza a utilização dos cookies. Poderá encontrar maiores informações sobre a policy dos cookies nas Condições de utilização.

Obrigação moral

· ​O cardeal Turkson a empresários do mundo inteiro reunidos em Santiago do Chile ·

Não espereis que seja o mercado a decidir por vós, mas correi o risco de fazer o que é justo só porque é justo e, fazendo assim, tornais o mercado melhor. É uma audaz mudança de perspectiva que o cardeal Peter Kodwo Appiah Turkson propôs aos empresários do mundo inteiro reunidos a 6 de Janeiro em Santiago do Chile, na Universidad de los Andes. Fazendo referência à doutrina social da Igreja e, em particular, aos últimos ensinamentos do Papa Francisco, o presidente do Pontifício conselho justiça e paz falou do business como de uma nobre vocação que deve ser enquadrada «num significado mais amplo da vida». E sugeriu a quem trabalha no mundo do comércio e empresarial «um guia para um sucesso verdadeiro» que se baseie no respeito da dignidade humana e contribua também para o bem comum.

Partindo no seu discurso da mensagem do Pontífice ao World Economic Forum de Davos em 2014, o purpurado explicou que Francisco não é um «anti-business» mas «critica a obsessão do lucro e a idolatria do mercado». Ao contrário, a contraproposta deriva de uma assunção de «responsabilidade» em relação ao género humano e a toda a nossa casa comum: a criatividade dos empresários deve ser valorizada para responder às «urgentes necessidades humana» sem descuidar as exigências dos pobres e dos mais débeis.

O objectivo é passar da perspectiva do ser «bons administradores» à de «ter cuidado» pelo mundo e pelas pessoas. É o apelo à «responsabilidade» – concluiu o purpurado – que deve levar não só a «uma revolução económica e tecnológica» mas também «espiritual e cultural».

Edição em papel

 

AO VIVO

Praça De São Pedro

23 de Outubro de 2019

NOTÍCIAS RELACIONADAS