Nota

Este site utiliza cookies...
Os cookies são pequenos arquivos de texto que ajudam a melhorar a sua experiência de navegação no nosso site. Ao navegar em qualquer parte deste site você autoriza a utilização dos cookies. Poderá encontrar maiores informações sobre a policy dos cookies nas Condições de utilização.

O Instrumentum laboris
do Sínodo para a Amazónia

· ​Apresentado na Sala de imprensa da Santa Sé ·

Tem início a última parte da fase preparatória do Sínodo dos bispos para a Amazónia, em perspetiva da sua celebração programada para outubro. De facto, na manhã de 17 de junho, na sala de imprensa da Santa Sé, foi apresentado o Instrumentum laboris, debatido e aprovado pelo Conselho pré-sinodal. O secretário-geral e o subsecretário do Sínodo dos bispos, cardeal Lorenzo Baldisseri e o bispo Fabio Fabene, juntamente com o jesuíta Humberto Miguel Yáñez, professor de teologia moral na Universidade Gregoriana, ilustraram o seu conteúdo aos jornalistas acreditados. O purpurado falou sobre a divisão tripartida do documento de trabalho – a voz da Amazónia, a ecologia integral e os desafios e as esperanças da Igreja profética na Amazónia – repropondo o seu complexo itinerário de elaboração, enquanto o padre Yáñez aprofundou o tema da ecologia integral. Por fim, D. Fabene referiu-se aos novos caminhos eclesiais que devem ser percorridos para construir uma Igreja com rosto amazónico e missionário. 

Edição em papel

 

AO VIVO

Praça De São Pedro

26 de Agosto de 2019

NOTÍCIAS RELACIONADAS