Nota

Este site utiliza cookies...
Os cookies são pequenos arquivos de texto que ajudam a melhorar a sua experiência de navegação no nosso site. Ao navegar em qualquer parte deste site você autoriza a utilização dos cookies. Poderá encontrar maiores informações sobre a policy dos cookies nas Condições de utilização.

O Evangelho no bolso

· No Angelus e numa paróquia romana o Papa exortou a ler diariamente as Escrituras ·

«Faço-vos uma pergunta: “mas ledes todos os dias um trecho do Evangelho?”. É bom levar connosco um pequeno evangelho no bolso e ler um trecho, um trecho pequeno, em cada momento do dia, e ali é Jesus quem fala. Fareis isto? Depois, no próximo domingo dir-mo-eis!». 

Foram algumas das expressões do já habitual diálogo dominical entre o Papa Francisco e os fiéis que se unem a ele na praça de São Pedro para a oração mariana. Ontem, 16 de Março, o diálogo concluiu-se com um dever «para fazer em casa» e do qual dar conta na semana que vem. «Não é necessário – disse o Pontífice nas palavras que improvisou – que sejam os quatro evangelhos, é suficiente um». Deixou uma mensagem importante ao comentar o evangelho da Transfiguração de Jesus, porque «nós discípulos – disse – somos chamados a ser pessoas que escutam a sua voz e levam a sério as suas palavras». E «para escutar Jesus é preciso segui-lo, como faziam as multidões do Evangelho que percorriam as estradas da Palestina».

Depois, o bispo de Roma retomou o tema na parte da tarde, durante a visita pastoral à paróquia de Santa Maria da Oração em Setteville de Guidonia, nos arredores de Roma. Depois de se ter encontrado com diversos grupos activos na comunidade o Papa celebrou a missa e na homilia renovou aos fiéis presentes a sugestão «de ter um pequeno Evangelho no bolso» ou «na carteira. O Evangelho sempre connosco. De alguns mártires dos primeiros tempos – recordou – dizia-se, por exemplo de santa Cecília, que levavam sempre o Evangelho com eles».

Edição em papel

 

AO VIVO

Praça De São Pedro

23 de Outubro de 2019

NOTÍCIAS RELACIONADAS