Nota

Este site utiliza cookies...
Os cookies são pequenos arquivos de texto que ajudam a melhorar a sua experiência de navegação no nosso site. Ao navegar em qualquer parte deste site você autoriza a utilização dos cookies. Poderá encontrar maiores informações sobre a policy dos cookies nas Condições de utilização.

Quis saudá-los um por um

· A visita do Papa às vítimas do sismo da Itália central ·

«Levar a consolação do Senhor Jesus, com a carícia e o abraço de toda a Igreja a quantos foram atingidos pelo sismo»: com esta intenção, lançada através de um tweet no acount @Pontifex, o Papa dedicou o dia de terça-feira 4 de outubro às populações da Itália central vítimas do terramoto de 24 de agosto. Quinhentos quilómetros percorridos de carro e seis horas passadas no meio dos sofrimentos de crianças, mulheres e homens duramente provados, aos quais Francisco quis fazer sentir a sua proximidade paterna, visitando na parte da manhã Amatrice, Borbona, Cittareale, Accumoli, Pescara e Arquata del Tronto; e à tarde San Pellegrino di Norcia. «Quis saudá-los um por um», disse o diretor da Sala de imprensa da Santa Sé, Greg Burke, uma das poucas pessoas que do Vaticano acompanharam o Papa.

Edição em papel

 

AO VIVO

Praça De São Pedro

23 de Outubro de 2019

NOTÍCIAS RELACIONADAS