Nota

Este site utiliza cookies...
Os cookies são pequenos arquivos de texto que ajudam a melhorar a sua experiência de navegação no nosso site. Ao navegar em qualquer parte deste site você autoriza a utilização dos cookies. Poderá encontrar maiores informações sobre a policy dos cookies nas Condições de utilização.

​Nova esperança e nova oportunidade

· ​Numa mensagem vídeo na vigília da viagem o Pontífice saúda o povo cubano ·

Em vista da sua chegada a Cuba, o Papa Francisco enviou uma mensagem vídeo que foi transmitida pela televisão às 20h00 locais de quinta-feira 17 de Setembro. Publicamos o conteúdo da referida mensagem.

Queridos irmãos!

Faltam poucos dias para a minha viagem a Cuba. Por este motivo, desejo dirigir-vos uma saudação fraterna antes de me encontrar convosco pessoalmente. Visitar-vos-ei para partilhar a fé e a esperança, a fim de que nos fortaleçamos reciprocamente no seguimento de Jesus. Faz-me bem e ajuda-me muito pensar na vossa fidelidade ao Senhor, no espírito com o qual enfrentais as dificuldades de cada dia, no amor com o qual vos ajudais e apoiais no caminho da vida. Obrigado por este testemunho tão corajoso.

Por minha vez, gostaria de vos transmitir uma mensagem muito simples, mas que julgo importante e necessária. Jesus ama-vos muitíssimo. Jesus ama-vos verdadeiramente. Mantém-vos sempre no coração; Ele sabe melhor de qualquer outro do que cada um precisa, pelo que anseia, qual é o seu desejo mais profundo, como é o nosso coração; e Ele nunca abandona e quando não nos comportamos como Ele espera, permanece sempre ali ao lado, disposto a acolher-nos, a confortar-nos, a dar-nos uma nova esperança, uma nova oportunidade, uma nova vida. Nunca vai embora, permanece sempre.

Sei que vos estais a preparar para esta visita com a oração. Agradeço-vos infinitamente por isto. Temos necessidade de rezar. Precisamos da oração. Este contacto com Jesus e com Maria. E sinto grande alegria ao saber que, seguindo o conselho dos meus irmãos Bispos de Cuba, estais a repetir muitas vezes durante o dia aquela oração que aprendemos quando éramos crianças. Sagrado Coração de Jesus fazei com que o meu coração seja como o vosso. É bom ter um coração como o de Jesus para saber amar como Ele, perdoar, dar esperança, acompanhar.

Desejo estar entre vós como missionário da misericórdia, da ternura de Deus, mas permiti que vos possa encorajar a ser também vós missionários deste amor infinito de Deus. Que a ninguém falte o testemunho da nossa fé, do nosso amor. Que todos saibam que Deus perdoa sempre, que Deus está sempre ao nosso lado, que Deus nos ama.

Irei também ao Santuário da Virgem do Cobre como um peregrino qualquer, como um filho que deseja ir à casa da Mãe. A Ela confio esta viagem e também todos os cubanos. E, por favor, peço-vos que rezeis por mim. Que Jesus vos abençoe e a Virgem Maria cuide de vós. Obrigado.

Edição em papel

 

AO VIVO

Praça De São Pedro

23 de Outubro de 2019

NOTÍCIAS RELACIONADAS