Nota

Este site utiliza cookies...
Os cookies são pequenos arquivos de texto que ajudam a melhorar a sua experiência de navegação no nosso site. Ao navegar em qualquer parte deste site você autoriza a utilização dos cookies. Poderá encontrar maiores informações sobre a policy dos cookies nas Condições de utilização.

Liberdade a fim de contribuir para o bem comum

· Está a decorrer a campanha de sensibilização nos Estados Unidos ·

«Deixai-nos contribuir para o bem comum segundo o nosso credo. A liberdade está no coração da dignidade humana»: sintetiza-se neste apelo lançado pelo arcebispo de Baltimore e presidente  da Comissão para a liberdade religiosa da Conferência episcopal, William Edward Lori, durante uma missa, o espírito que anima a manifestação Fortnight for Freedom  que teve início a 21 de Junho nos Estados Unidos. A preocupação do episcopado sobre o tema da liberdade religiosa, como realçou o presidente e cardeal arcebispo de Nova Iorque, Timothy Michael Dolan, cresceu nos últimos cinco anos depois de «uma difundida indiferença» sobre os temas éticos e morais, ligados sobretudo à tutela da vida e do matrimónio. Trata-se, em particular, dos serviços de seguros impostos pelas autoridades federais aos empregadores, inclusive aos afiliados a instituições e organizações religiosas, para o fornecimento aos empregados  de fármacos abortivos e intervenções de esterilização».

O cardeal Dolan apresentou um dos símbolos que os fiéis de todas as dioceses levarão em cortejo pelas ruas das cidades a fim de manifestar os votos de que seja respeitada plenamente aquela  que as próprias leis fundamentais da nação consideram a primeira das liberdades. De facto, até  4 de Julho a manifestação será acompanhada, além dos cortejos e outras actividades de sensibilização, por numerosos momentos de oração. Também as demais comunidades religiosas são chamadas a dar o próprio contributo.

Edição em papel

 

AO VIVO

Praça De São Pedro

17 de Setembro de 2019

NOTÍCIAS RELACIONADAS