Nota

Este site utiliza cookies...
Os cookies são pequenos arquivos de texto que ajudam a melhorar a sua experiência de navegação no nosso site. Ao navegar em qualquer parte deste site você autoriza a utilização dos cookies. Poderá encontrar maiores informações sobre a policy dos cookies nas Condições de utilização.

Leigos co-responsáveis pelo ser e o agir da  Igreja

· Bento XVI ao fórum internacional da Acção Católica ·

A co-responsabilidade exige uma mudança de mentalidade relativa em particular ao papel  dos leigos na Igreja. Escreve-o o Papa numa mensagem enviada aos participantes no fórum internacional da Acção Católica, que está a decorrer em Iaşi na Roménia. Bento XVI sublinha a necessidade de que se «consolide um laicado maduro e comprometido, capaz de dar a própria contribuição específica para a missão eclesial, no respeito pelos ministérios e as tarefas que cada um desempenha na vida da Igreja e sempre em comunhão cordial com os Bispos». Isto significa que, ao servir a Igreja, os leigos devem assumir «a finalidade apostólica na sua globalidade», num «equilíbrio fecundo entre Igreja universal e  Igreja local», em espírito «de união íntima com o Sucessor de Pedro» e com o estilo que Bento XVI define «co-responsabilidade diligente» com os próprio pastores. O papel dos leigos, frisou o Pontífice,  é de importância fundamental, sobretudo «nesta fase da história», que deve ser interpretada «à luz do magistério social da Igreja» também «para ser cada vez mais laboratório de globalização da solidariedade e da caridade, para crescer, com a Igreja inteira, na co-responsabilidade de oferecer um futuro de esperança à humanidade, tendo a coragem inclusive de formular propostas exigentes».  O Papa, recordando a «longa e fecunda história» da Acção Católica escrita por «testemunhas corajosas de Cristo», convida enfim a renovar o compromisso «de percorrer  o caminho da santidade, conservando uma vida de oração intensa, favorecendo e respeitando os percursos pessoais de fé».

Edição em papel

 

AO VIVO

Praça De São Pedro

22 de Setembro de 2019

NOTÍCIAS RELACIONADAS