Nota

Este site utiliza cookies...
Os cookies são pequenos arquivos de texto que ajudam a melhorar a sua experiência de navegação no nosso site. Ao navegar em qualquer parte deste site você autoriza a utilização dos cookies. Poderá encontrar maiores informações sobre a policy dos cookies nas Condições de utilização.

Família de povos

· ​Abertura e acolhimento além dos muros que dividem recomendou o Papa Francisco na mensagem vídeo para o encontro Juntos pela Europa ·

Recolocar a pessoa humana no centro, permanecer um continente aberto e acolhedor, realizar formas de cooperação não só económica, mas também social e cultura: é o caminho sugerido pelo Papa Francisco a fim de tornar o velho continente «uma família de povos». O Pontífice indicou-o exortando a abater os muros «visíveis e invisíveis que tendem a dividir», através de uma mensagem vídeo transmitida na tarde de sábado 2 de Julho em Munique, na Baviera, na conclusão da quarta edição de Juntos pela Europa, rede internacional ecuménica que reúne trezentos movimentos e comunidades cristãs em que estão comprometidos católicos, evangélicos, anglicanos, ortodoxos e membros das Igrejas livres. Também o patriarca ecuménico Bartolomeu transmitiu palavras de encorajamento aos congressistas, que aprofundaram o tema «Encontro – Reconciliação – Futuro».

Mensagem vídeo do Papa 

Edição em papel

 

AO VIVO

Praça De São Pedro

24 de Agosto de 2019

NOTÍCIAS RELACIONADAS