Nota

Este site utiliza cookies...
Os cookies são pequenos arquivos de texto que ajudam a melhorar a sua experiência de navegação no nosso site. Ao navegar em qualquer parte deste site você autoriza a utilização dos cookies. Poderá encontrar maiores informações sobre a policy dos cookies nas Condições de utilização.

Entre os braços de Maria

· Te Deum de fim de ano ·

Uma chamada à responsabilidade e ao compromisso de todos, para que os jovens possam encontrar trabalho nas suas terras de origem e não se vejam obrigados a expatriar foi feita pelo Papa Francisco durante o tradicional canto do «Te Deum» de fim de ano, presidido na tarde de sábado, 31 de dezembro, na basílica de São Pedro.

Na recitação das primeiras vésperas da solenidade de Maria mãe de Deus, depois do Pai-Nosso, foi exposto o Santíssimo Sacramento no ostensório colocado no altar da Confissão. O Papa ficou alguns minutos em adoração, e depois do tradicional «Te Deum» concedeu a bênção eucarística. Na liturgia participaram trinta cardeais, entre os quais Sodano, decano do Colégio cardinalício, e Parolin, secretário de Estado.

No final, o Pontífice saiu a pé da basílica e foi diante do presépio da praça de São Pedro, onde foi recebido pelo cardeal Bertello, presidente do Governatorato do Estado da Cidade do Vaticano, pelo bispo secretário-geral Vérgez Alzaga e pelo diretor dos Serviços técnicos, padre García de la Serrana Villalobos. Enquanto a banda musical do Corpo da Guarda suíça pontifícia executava melodias natalícias, o Papa ficou alguns minutos diante da representação da Natividade, saudando em seguida os fiéis que o esperavam por detrás das barreiras.

Homilia do Papa

Edição em papel

 

AO VIVO

Praça De São Pedro

25 de Agosto de 2019

NOTÍCIAS RELACIONADAS