Nota

Este site utiliza cookies...
Os cookies são pequenos arquivos de texto que ajudam a melhorar a sua experiência de navegação no nosso site. Ao navegar em qualquer parte deste site você autoriza a utilização dos cookies. Poderá encontrar maiores informações sobre a policy dos cookies nas Condições de utilização.

Emergência global

· Milhões de pessoas na rede criminosa do tráfico ·

O tráfico é, nas suas várias formas, uma emergência global, uma realidade que devora a humanidade das pessoas. Muitas vezes, nos países de destino, as mulheres em particular são consideradas e tratadas como criminosas que obtêm lucro, e em vez de ser protegidas são punidas.. 

Todos nós somos chamados a tomar consciência dos que são vítimas deste crime, homens e mulheres, que caíram na armadilha da «cultura do descarte», que se encontram engolidos na escravidão e na indiferença das nossas sociedades. Temos o dever de lhes dar voz, de difundir a cultura do respeito dos direitos humanos, sensibilizando para comportamentos responsáveis a todos os níveis, e promovendo acções concretas e coordenadas para ajudar as vítimas e prevenir esta chaga.

O Pontifício Conselho para a pastoral dos migrantes e itinerantes, entre as suas várias competência, segue com atenção a questão do tráfico, aprofundando o estudo e encorajando os compromissos que visam dar a conhecer e combater este fenómeno. São diversas as iniciativas em que a Santa Sé está em primeira linha na luta contra estes crimes, como a conferência internacional sobre o tráfico das pessoas, realizada no Vaticano a 9 de Abril, e o acordo assinado entre a Santa Sé e as outras confissões religiosas, que instituiu o Global Freedom Network, para desenraizar as modernas escravidões. Também a nível das Igrejas locais e das congregações religiosas, não faltam actividades e eventos organizados em diversas nações, entre os quais recordamos os programas «Slave no more» e a rede internacional «Talita Kum» das religiosas contra o tráfico, o dia de oração contra o tráfico de vidas humanas que teve lugar em Manila no passado mês de Dezembro, a já citada campanha de fraternidade brasileira sobre o tema «É para a liberdade que Cristo nos libertou», ou as Via-Sacras de solidariedade e oração organizadas especificadamente.

Antonio Maria Vegliò

Edição em papel

 

AO VIVO

Praça De São Pedro

20 de Outubro de 2019

NOTÍCIAS RELACIONADAS