Nota

Este site utiliza cookies...
Os cookies são pequenos arquivos de texto que ajudam a melhorar a sua experiência de navegação no nosso site. Ao navegar em qualquer parte deste site você autoriza a utilização dos cookies. Poderá encontrar maiores informações sobre a policy dos cookies nas Condições de utilização.

A droga não se vence com a droga

· O Papa aos participantes na International Drug Enforcement Conference ·

«A droga não se vence com a droga! A droga é um mal, e com o mal não pode haver cedências nem comprometimentos». Na manhã de 20 de Junho, o Papa Francisco reiterou o seu «não à droga». 

Recebendo em audiência os participantes na International Drug Enforcement Conference, que teve lugar pela primeira vez na Itália, o Pontífice manifestou pesar e preocupação porque o flagelo do narcotráfico continua a alastrar-se, ameaçando sobretudo os jovens. «Mas para dizer este não — explicou — é preciso dizer sim à vida, sim ao amor, sim aos outros, sim à educação, sim ao desporto e sim ao trabalho». Com efeito, «o caminho da prevenção», acrescentou, passa através das «oportunidades de trabalho, da educação, do desporto e de uma vida sadia. Se se realizam estes «sins», não há lugar para a droga, para o abuso do álcool e para outras dependências».

Em particular, o bispo de Roma disse que está convicto de que «as legalizações das chamadas “drogas leves”, além de ser muito questionáveis no plano legislativo, não produzem os efeitos previstos», do mesmo modo que «as drogas substitutivas não são uma terapia suficiente, mas um modo oculto de se render ao fenómeno».

Texto integral do discurso do Papa

Edição em papel

 

AO VIVO

Praça De São Pedro

15 de Outubro de 2019

NOTÍCIAS RELACIONADAS