Nota

Este site utiliza cookies...
Os cookies são pequenos arquivos de texto que ajudam a melhorar a sua experiência de navegação no nosso site. Ao navegar em qualquer parte deste site você autoriza a utilização dos cookies. Poderá encontrar maiores informações sobre a policy dos cookies nas Condições de utilização.

Direitos e dignidade dos povos indígenas devem ser salvaguardados de todas as formas de violência

· Apelo na mensagem do Papa pelo centenário da Lacrimabili statu indorum ·

A Igreja não considera alheia nenhuma aspiração humana legítima e faz suas as mais nobres aspirações das populações indígenas demasiadas vezes marginalizadas, não compreendidas e vítimas de diversas formas de violência. Escreve o Papa na mensagem enviada a Dom Rubén Salazar Gómez, Arcebispo de Bogotá, por ocasião da comemoração do centenário da Carta encíclica Lacrimabili statu indorum de são Pio X. O documento, escreve Bento XVI, «em continuidade com a Carta encíclica Immensa pastorum, do Papa Bento XIV, tinha ressaltado a necessidade de se dedicar com maior atenção à evangelização dos povos indígenas e à promoção constante da sua dignidade e do seu progresso. Um apelo que o Pontífice faz seu e relança exortando «Com profundo amor para com todos e em sintonia com a doutrina social da Igreja» a ouvir «sem preconceitos a voz destes irmãos nossos,  a favorecer um verdadeiro conhecimento da sua história e modo de ser, assim como a potenciar a sua participação em todos os âmbitos da sociedade e da Igreja». O Pontífice invoca por fim «o Omnipotente para que, antes de tudo, seja tutelado o carácter sagrado da sua vida. Que por motivo algum se limite a existência deles, pois Deus não quer a morte de ninguém e ordena que nos amemos como irmãos. Que as suas terras sejam adequadamente protegidas. Que nenhum, por qualquer motivo, instrumentalize e manipule estes povos e que eles não se deixem arrastar por ideologias que os oprimem perigosamente».

Edição em papel

 

AO VIVO

Praça De São Pedro

16 de Setembro de 2019

NOTÍCIAS RELACIONADAS