Nota

Este site utiliza cookies...
Os cookies são pequenos arquivos de texto que ajudam a melhorar a sua experiência de navegação no nosso site. Ao navegar em qualquer parte deste site você autoriza a utilização dos cookies. Poderá encontrar maiores informações sobre a policy dos cookies nas Condições de utilização.

Diante do mistério do Sábado Santo

· Bento XVI em visita pastoral a Turim para a ostensão do Sudário ·

Diante do Santo Sudário – ícone do mistério da obscuridade do Sábado Santo que envolve também a nossa época – Bento XVI recolheu-se em oração na tarde de domingo 2 de Maio, durante a visita pastoral a Turim. Este foi o momento central de um dia vivido na recordação do sofrimento e da dor de Jesus, perante os quais o Papa se deteve de novo no final da tarde, antes de deixar a cidade, encontrando-se com os doentes hospedados na «Cidadela da Caridade», obra fundada por São José Cottolengo. De manhã, na praça de São Carlos, o Papa celebrou a missa durante a qual invocou a colaboração de todos para perseguir o bem comum, recordando de modo especial os desempregados, as famílias em dificuldade, os marginalizados e os imigrantes. Na primeira parte da tarde o Pontífice teve um encontro com a juventude, à qual recordou que «todos nós somos criados não para fazer opções provisórias e revogáveis, mas para fazer escolhas definitivas e irrevogáveis que dão pleno sentido à vida»

Discursos do Papa Bento XVI

Concelebração Eucaristíca

Regina Caeli

Encontro com os jovens

Veneração do Santo Sudário

Encontro com os doentes

Edição em papel

 

AO VIVO

Praça De São Pedro

16 de Setembro de 2019

NOTÍCIAS RELACIONADAS