Nota

Este site utiliza cookies...
Os cookies são pequenos arquivos de texto que ajudam a melhorar a sua experiência de navegação no nosso site. Ao navegar em qualquer parte deste site você autoriza a utilização dos cookies. Poderá encontrar maiores informações sobre a policy dos cookies nas Condições de utilização.

Comunhão fraterna

· Em Braga o encontro dos bispos amigos dos Focolares ·

Braga, 9. Depois da participação na Jornada mundial da juventude em Cracóvia, sessenta e sete bispos e cardeais amigos do movimento dos Focolares, provenientes de vinte e sete países de quatro continentes, reuniram-se de 2 a 10 de agosto em Braga (Portugal), no santuário de Nossa Senhora do Sameiro. O encontro, promovido pelo arcebispo de Braga, D. Jorge Ferreira da Costa Ortiga, e moderado pelo cardeal arcebispo de Bangkok, D. Francis Xavier Kriengsak Kovithavanij, tem como finalidade aprofundar a comunhão fraterna entre prelados, à luz da espiritualidade da unidade que anima os Focolares.

Contributos específicos foram oferecidos por teólogos, políticos e outros representantes dos Focolares que trataram temas como a situação do mundo atual, a reforma da Igreja no seguimento do Papa Francisco, o ecumenismo. Aprofundaram temas cruciais como a relação Igreja-Estado e o islão radical. «As religiões não se devem substituir à política – observou-se – aliás, as comunidades cristãs devem representar a consciência crítica da humanidade».

A peregrinação realizada ao santuário de Nossa Senhora de Fátima foi intensa, assim como a missa celebrada na capela das aparições, presidida pelo cardeal João Braz de Aviz, prefeito da Congregação para os institutos de vida consagrada e as sociedades de vida apostólica.

Os congressos dos bispos amigos do movimento dos Focolares tiveram início em 1977 por iniciativa de D. Klaus Hemmerle, bispo de Aachen (Alemanha). E desde o princípio foram apoiados pela Santa Sé, para favorecer a colegialidade «efetiva e afetiva» entre os bispos em espírito de comunhão e fraternidade.

Edição em papel

 

AO VIVO

Praça De São Pedro

17 de Janeiro de 2020

NOTÍCIAS RELACIONADAS