Nota

Este site utiliza cookies...
Os cookies são pequenos arquivos de texto que ajudam a melhorar a sua experiência de navegação no nosso site. Ao navegar em qualquer parte deste site você autoriza a utilização dos cookies. Poderá encontrar maiores informações sobre a policy dos cookies nas Condições de utilização.

A comunhão é essencial

· Audiência do Papa Francisco aos neocatecumenais ·

Uma verdadeira festa de família a que teve lugar em volta do Papa esta manhã, sábado 1 de Fevereiro, na Sala Paulo VI, com centenas de crianças sem dúvida protagonistas. Para cento e sessenta destas famílias o encontro com o Pontífice assumiu um significado muito particular.

Com efeito, dele receberam o mandato para a missio ad gentes. Precisamente a entrega deste mandato foi o momento central da audiência do Papa Francisco a milhares de pertencentes ao Caminho neocatecumenal.

E como um bom pai, o Pontífice quis dar-lhes «algumas simples recomendações». Antes de tudo recordou que «é melhor renunciar a viver em todos os pormenores aquilo que o vosso percurso exigiria para garantir a unidade entre os irmãos que formam a única comunidade eclesial». Depois, é necessário não esquecer que «o Espírito de Deus chega sempre antes de nós» e espalhar «as sementes do seu Verbo». Por conseguinte, é importante procurar compreender as culturas dos povos que se encontram e «reconhecer a necessidade de Evangelho que está presente em toda a parte, mas também aquela acção que o Espírito Santo realizou na vida e na história de cada povo».

Por fim o Papa recomendou, a todos e não só às famílias que estão para partir, para terem paciência e misericórdia também com quantos talvez decidam sair da experiência do Caminho. «A liberdade de cada um – recomendou – não deve ser forçada, e deve-se respeitar também a eventual escolha de quem decidisse procurar, fora do Caminho, outras formas de vida cristã que o ajudem a crescer na resposta à chamada do Senhor». Em seguida o Papa Francisco não deixou faltar o seu encorajamento aos novos missionários, convidando-os a levar o Evangelho a toda a parte, «até aos ambientes mais descristianizados».

Edição em papel

 

AO VIVO

Praça De São Pedro

18 de Agosto de 2019

NOTÍCIAS RELACIONADAS