Nota

Este site utiliza cookies...
Os cookies são pequenos arquivos de texto que ajudam a melhorar a sua experiência de navegação no nosso site. Ao navegar em qualquer parte deste site você autoriza a utilização dos cookies. Poderá encontrar maiores informações sobre a policy dos cookies nas Condições de utilização.

Com o máximo rigor

· ​Regulamento da Consulta médica da Congregação para as causas dos santos ·

Foi publicado o «Regulamento da Consulta médica da Congregação para as causas dos santos», que entrou em vigor no dia 24 de agosto. O novo texto inspira-se no regulamento precedente, aprovado pelo beato Paulo VI a 23 de abril de 1976.

 Além da adaptação linguística e processual, foram introduzidas algumas novidades, como por exemplo: a maioria qualificada, para proceder ad ulteriora no exame de um presumível milagre, é de pelo menos 5/7 ou 4/6; o caso não pode ser reexaminado mais de três vezes; para o reexame do presumível milagre exige-se uma Consulta com novos membros; o cargo do presidente da Consulta só pode ter uma reconfirmação (cinco anos mais cinco); devem manter segredo todos aqueles que tratam o presumível milagre (promotores da causa, tribunal, postuladores, peritos, oficiais do dicastério); a remuneração aos peritos será paga somente através de transferência bancária; no caso de milagre, o subsecretário desempenha as funções que a constituição apostólica «Divinus perfectionis magister» atribui ao relator.

A finalidade do regulamento deve ser unicamente o bem das causas, que nunca podem prescindir da verdade histórica e científica dos alegados milagres. Assim como é necessário que as provas jurídicas sejam completas, convergentes e confiáveis, também é preciso que o seu estudo seja realizado com tranquilidade, objetividade e competência convicta por parte de peritos médicos altamente especializados e, além disso, num plano diverso, pelo congresso dos consultores teólogos e pela sessão de cardeais e bispos, para chegar enfim à aprovação determinante do Santo Padre, que tem a competência exclusiva de reconhecer um evento extraordinário como verdadeiro milagre.   

Edição em papel

 

AO VIVO

Praça De São Pedro

20 de Outubro de 2019

NOTÍCIAS RELACIONADAS