Nota

Este site utiliza cookies...
Os cookies são pequenos arquivos de texto que ajudam a melhorar a sua experiência de navegação no nosso site. Ao navegar em qualquer parte deste site você autoriza a utilização dos cookies. Poderá encontrar maiores informações sobre a policy dos cookies nas Condições de utilização.

Com fidelidade e discrição
ao serviço do Papa
e da Igreja

· Celebrada a festa do corpo da Gendarmaria do Estado da Cidade do Vaticano ·

A participação na missa celebrada pelo Papa na manhã de 27 de Setembro na capela do palácio do Governatorado, dedicata a Maria Mãe da Família, foi o momento central das comemorações organizadas pelo Corpo da Gendarmaria do Estado da Cidade do Vaticano, por ocasião da festa do seu padroeiro, são Miguel arcanjo.

O primeiro momento realizou-se na tarde do dia precedente, no Jardim quadrado dos Museus do Vaticano, onde o cardeal Bertello quis agradecer à Gendarmaria o seu trabalho atento desempenhado diariamente com profissionalismo e fidelidade. Depois, o arcebispo Angelo Becciu, substituto da Secretaria de Estado, leu uma mensagem mediante a qual o Papa manifestava o seu afecto especial aos gendarmes, «renovando sentimentos de profunda gratidão pelo seu serviço fiel e generoso, cumprido com discrição, profissionalismo e grande amor pela Igreja e pelo Papa». Francisco concluiu exortando os «caros gendarmes» a confiar «na bondade e fidelidade do Senhor que está sempre ao nosso lado e nunca nos esquece».

No início da tarde, o comandante Domenico Giani recordou o serviço prestado por todo o Corpo da Gendarmaria com profissionalismo cada vez mais requintado, mas sobretudo com amor e devoção pela Igreja e pelo Papa, e com atenção especial ao diálogo com as demais forças de polícia internacionais, para garantir o clima de tranquilidade necessário para a missão do bispo de Roma no mundo inteiro. Ao mesmo tempo, confirmou o análogo compromisso «a dar uma grande contribuição para promover o diálogo entre as religiões, impedir as várias formas de extremismo violento e fomentar a serena coexistência internacional». (mario ponzi)

Edição em papel

 

AO VIVO

Praça De São Pedro

18 de Outubro de 2019

NOTÍCIAS RELACIONADAS