Nota

Este site utiliza cookies...
Os cookies são pequenos arquivos de texto que ajudam a melhorar a sua experiência de navegação no nosso site. Ao navegar em qualquer parte deste site você autoriza a utilização dos cookies. Poderá encontrar maiores informações sobre a policy dos cookies nas Condições de utilização.

Caridade em laboratório

· ​Da Farmácia do Vaticano uma contribuição para as necessidades dos imigrantes ·

Um frasco branco com tampa vermelha e uma etiqueta adesiva: 20 por cento de benzoato de benzilo. Para os especialistas é um dos tratamentos mais eficazes contra a sarna. Para a Farmácia do Vaticano é também um modo novo de praticar a caridade e dar continuidade ao serviço à pessoa humana, sem distinções de raça, idade e religião. Com efeito, o frasco contém uma pomada que a Farmácia prepara nos seus laboratórios para ir ao encontro das necessidades de milhares de imigrantes que chegam à Itália todos os anos. A preparação é feita a pedido da Esmolaria apostólica, que depois se encarrega de distribuir este remédio indo periodicamente aos vários centros de hospitalidade em Roma para levar a caridade do Papa aos carenciados da sua diocese. Recentemente, numa das estruturas mais lotadas da cidade, os voluntários da Esmolaria entregaram cinquenta quilos de remédios anti-sarna, juntamente com uma centena de confecções de antibióticos e anti-histamínicos, além de umas cinquenta confecções de pomadas antimicóticas.

Edição em papel

 

AO VIVO

Praça De São Pedro

20 de Outubro de 2019

NOTÍCIAS RELACIONADAS