Nota

Este site utiliza cookies...
Os cookies são pequenos arquivos de texto que ajudam a melhorar a sua experiência de navegação no nosso site. Ao navegar em qualquer parte deste site você autoriza a utilização dos cookies. Poderá encontrar maiores informações sobre a policy dos cookies nas Condições de utilização.

A caminho de casa

· ​Missa em sufrágio pelos cardeais e bispos defuntos ·

Durante a celebração de sufrágio presidida na manhã de 4 de novembro, no altar da Cátedra da basílica de São Pedro, o Papa Francisco recordou os cardeais, arcebispos e bispos falecidos ao longo do ano.

 Desde outubro de 2015 até ao mês passado faleceram sete cardeais (Furno, Terrazas Sandoval, Cottier, Coppa, Capovilla, Piovanelli e Macharski) e 136 arcebispos e bispos. Estavam presentes 33 cardeais, 31 dos quais concelebraram — entre eles Angelo Sodano, decano do Colégio cardinalício, e Pietro Parolin, secretário de Estado — e numerosos prelados da Cúria romana. Além do Corpo diplomático acreditado junto da Santa Sé, estavam presentes os arcebispos Becciu, substituto da Secretaria de Estado, e Gallagher, secretário para as Relações com os Estados, e os monsenhores Borgia, assessor, Camilleri, subsecretário para as Relações com os Estados, e Bettencourt, chefe do Protocolo. Prestaram serviço litúrgico os ministrantes do Colégio missionário Antonio Rosmini e animaram o rito os cantores da Capela Sistina.

Homilia do Papa

Edição em papel

 

AO VIVO

Praça De São Pedro

18 de Agosto de 2019

NOTÍCIAS RELACIONADAS