Nota

Este site utiliza cookies...
Os cookies são pequenos arquivos de texto que ajudam a melhorar a sua experiência de navegação no nosso site. Ao navegar em qualquer parte deste site você autoriza a utilização dos cookies. Poderá encontrar maiores informações sobre a policy dos cookies nas Condições de utilização.

A audácia da paz

· Na mensagem dirigida à cidade e ao mundo o Papa Francisco recorda os dramas da humanidade e pede que se reze para que cessem todas as guerras ·

A Síria, aliás «a amada Síria», está sempre entre as preocupações do Papa Francisco. E assim também na habitual mensagem à cidade e ao mundo, a 20 de Abril, domingo de Páscoa, a súplica especial ao Senhor foi precisamente pelo martirizado povo sírio.

O Papa pediu que as partes em conflito consintam que ao povo faminto cheguem as ajudas humanitárias; que se ponha fim aos massacres que ferem o corpo da humanidade inteira; que se descubra finalmente «a audácia de negociar a paz».

Mas certamente o Pontífice não esqueceu os outros dramas que assolam a humanidade deste século, inclusive o que vivem as populações africanas a braços com a devastadora epidemia de ébola. Rezou pelas vítimas da violência no Iraque, na República Centro-Africana, na Nigéria, no Sudão do Sul. Suplicou os venezuelanos a predispor os ânimos para a reconciliação fraterna. E ainda, recordando a coincidência da celebração da Páscoa com as Igrejas que seguem o calendário juliano, convidou todos a unir-se em oração pelo povo da Ucrânia. E não esqueceu os últimos, os famintos, os indefesos, as crianças, os idosos, as mulheres por vezes objecto de abandono ou de exploração, os emigrantes.

Durante a missa na vigília pascal, no sábado 19 de Abril, na basílica de São Pedro, depois de ter conferido os sacramentos da iniciação cristã a dez catecúmenos, o Pontífice convidou os fiéis a um novo início, a recomeçar partindo da Galileia. Mas quantos, questionou-se, conhecem ou sabem onde está a sua Galileia?

O texto da mensagem pascal do Papa

Edição em papel

 

AO VIVO

Praça De São Pedro

19 de Agosto de 2019

NOTÍCIAS RELACIONADAS