Nota

Este site utiliza cookies...
Os cookies são pequenos arquivos de texto que ajudam a melhorar a sua experiência de navegação no nosso site. Ao navegar em qualquer parte deste site você autoriza a utilização dos cookies. Poderá encontrar maiores informações sobre a policy dos cookies nas Condições de utilização.

Apresentação dos cordeirinhos

· Na memória litúrgica de Santa Inês virgem e mártir ·

Na manhã de quinta-feira, 21 de Janeiro, na capela de Urbano VIII do Palácio apostólico, o Papa presidiu à cerimónia de apresentação dos cordeirinhos – que precedentemente foram benzidos na basílica de Santa Inês fora dos Muros, em via Nomentana – cuja lã será utilizada para confeccionar os pálios. O rito, realizado na memória litúrgica da virgem e mártir romana, foi dirigido por monsenhor Marini, mestre das celebrações litúrgicas pontifícias. Entre os presentes, estavam duas religiosas da Sagrada Família de Nazaré que, segundo uma tradição que remonta a 1884, preparam os cordeirinhos no seu convento romano no bairro do Esquilino; e também a abadessa do mosteiro beneditino de Santa Cecília em Trastevere, pertencente à comunidade que confeccionará os pálios.

Edição em papel

 

AO VIVO

Praça De São Pedro

20 de Outubro de 2019

NOTÍCIAS RELACIONADAS