Nota

Este site utiliza cookies...
Os cookies são pequenos arquivos de texto que ajudam a melhorar a sua experiência de navegação no nosso site. Ao navegar em qualquer parte deste site você autoriza a utilização dos cookies. Poderá encontrar maiores informações sobre a policy dos cookies nas Condições de utilização.

Ao serviço da paz

· ​No vídeo do Papa para a rede mundial de oração a intenção para o mês de novembro ·

Dois homens, um de cor e um branco, discutem diante de um muro que os separa de uma cidade devastada por combates. Aos seus pés cartuchos de armas de fogo. De repente, os dois olham para o muro crivado de balas. Mudam de atitude. Pegam do chão duas latas de spray de cor azul e começam a unir com a tinta os vários furos produzidos pelos tiros. Inesperadamente delineia-se a silhueta de uma pomba com um raminho de oliveira no bico. Esta sugestiva imagem está contida no vídeo «Ao serviço da paz» que acompanha a intenção do Papa para o mês de novembro, confiada à Rede mundial de oração (www.thepopevideo.org).

O fio condutor é a necessidade de mudar os corações para alcançar a paz: «Rezemos juntos – exorta o Papa – a fim de que a linguagem do coração e do diálogo prevaleçam sempre sobre a linguagem das armas». Por outro lado, acrescenta, «todos queremos a paz. E mais do que qualquer outro ela é desejada por quantos sofrem a sua falta». A análise da situação é marcada por um véu de amargura: «Podemos pronunciar palavras maravilhosas, mas se no nosso coração não houver paz também não haverá no mundo». A receita para a alcançar é clara: «Com zero violência e cem por cento de ternura, construímos a paz evangélica que não exclui ninguém».

Traduzido em nove línguas, o vídeo foi preparado para a Rede mundial de oração do Papa pela agência La Machi, que se ocupa da produção e da distribuição, em colaboração com Vatican Media que realizou a gravação.

Edição em papel

 

AO VIVO

Praça De São Pedro

19 de Novembro de 2018

NOTÍCIAS RELACIONADAS